Utilidade imprevisível

Padrão

Que menino não tem fixação pelo pintinho? A preocupação em relação ao tamanho remonta ao berço e já começa na cabeça dos pais. Paulinho, ao contrário do grande irmão mais velho, aumentava de idade, mas não de tamanho. Todos se preocupavam também se cresceria a jeba, cuja particularidade ou peculiaridade era mostrada a todos, o garoto não conhecia pudores: tinha uma protuberância, uma gordurinha saliente no corpo do pênis.

Muitas simpatias, como medir o pinto na bananeira, muitas consultas com todos os tipos de especialistas, muito Biotônico batido com ovos de pata fizeram parte da infância e pré-juventude dele. O medo era a permanência da saliência lipídica, pois ela poderia impedir o desenvolvimento. No entanto, há coisas que não se pode forçar, precisam do seu tempo.

Com 14 anos, Paulinho esticou, cresceu, desenvolveu. Ficou bonito, interessante, forte. A pergunta de todos era com as partes baixas. Afinal, era visível que o corpo tinha se beneficiado. Mas e o pintinho? Seguiu semelhante caminho?

Pela quantidade de mulheres que caiam em seus braços, pernas, peito e membro, não existia mais aquele problema. Verdadeiramente, ele permaneceu e se tornou útil. Milagres da Mãe-Natureza! A gordurinha não se dissolveu, continuou no mesmo lugar. O roçar dela, a fricção desse apêndice durante sexo, era prazer na certa para a anatomia do corpo feminino.

Antes, os pais temiam com a falta, hoje, se assustam com o excesso. A vida é mesmo uma piada.

José Eduardo Brum

Anúncios

»

  1. É a mais pura verdade e por isso mesmo é tão engraçada!

    Retribuindo, com muito atraso, as inúmeras visitas ao meu. Juro que não foi má vontade, foi desatenção.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s