Dois

Padrão

Existem dois tipos de pessoas: as infelizes e as sem noção da realidade.

No amor, ou você se entrega, ou você finge.

O trabalho configura-os como malandros e/ou bobos.

O pátio da escola tem os gulosos, os conversadores, os brincalhões. Eles se dividem nos inseguros e nos tolos.

Se você sonha, irrealista ou niilista é uma das escolhas.

Amizade é injustiça, pois uns escutam, enquanto outros vivem.

A família mente atribuindo papéis, no entanto, são dois caminhos: os construtores e os destrutores.

Hospital abarca doentes e cuidadores. Um é o reflexo do outro.

Anos de vida só revelam aqueles que afundaram rápido demais. Os restantes são puramente sádicos.

José Eduardo Brum

Anúncios

»

  1. Adorei, Zé! Como sempre, muito bom! Faltou dizer que nas viagens e despedidas há os que ficam e os que partem, dois lados de uma mesma saudade, saudade que já começa a doer aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s